João do Canto e Castro

João do Canto e Castro foi um Presidente da República que sucedeu a Sidónio Pais após o seu assassinato. Apesar de ter ocupado esse cargo era um monárquico convicto, mas mesmo assim reprimiu as revoltas monárquicas de Paiva Couceiro ocorridas no seu mandato.