O ex-cabo, ex-pintor, o homem que não nasceu em leito de renda amolecedor, passará à História como uma revelação genial das possibilidades humanas no campo político, diplomático, social, civil e militar, quando à vontade de um ideal se junta a audácia, a valentia, a virilidade numa palavra.

Texto de Humberto Delgado para a revista Revista AR, Nº 44, p.2 Junho de 1941. De notar que nesta fase ainda era um dos homens fortes do regime de Salazar e um dos seus militares de maior confiança, e visto como um possível importante politico do regime.

REDES SOCIAIS

1,432FansCurti
0SeguidoresSeguir
22SeguidoresSeguir